RECURSOS

UX: O que é e como otimizá-la

O que é UX? A UX (User Experience), experiência do utilizador em português, consiste na facilidade e comodidade que um utilizador experiência ao navegar num website. Neste contexto consideram-se vários fatores e o objetivo principal é otimizá-los o máximo possível para que o acesso ao conteúdo e o processo de interação com o mesmo sejam ágeis, simples e intuitivos.

A importância da experiência do utilizador: uma estratégia de SEO eficaz é a que coloca o utilizador no centro, já que é assim que o Google determina. Para além do mais, isso faz muito sentido: por exemplo, se um visitante acede a um website à procura de determinada informação e demora muito em encontrá-la, é muito provável que acabe abandonando-o para ir procurar noutro website. E esta é somente uma das muitas ocasiões nas quais uma má UX pode fazer perder clientes num negócio online. Da mesma forma, também é importante do ponto de vista SEO: o Google cada vez mais tem em conta a experiência do utilizador para o posicionamento orgânico do website em questão. Portanto, uma má UX equivaleria a um mau posicionamento SEO.

Como melhorar a UX de um website? Tal como já mencionamos anteriormente, há muitos fatores que entram em jogo no contexto da experiência do utilizador. A seguir encontrará os mais relevantes:

Velocidade de carregamento ou WPO: os websites que carregam de forma rápida aumentam a satisfação do utilizador. Além do mais, este elemento faz parte dos fatores de ranqueamento do Google, o que significa que aumentar a velocidade de carregamento também melhora o posicionamento SEO.

Estrutura e navegabilidade: Um dos elementos mais importantes na criação de uma website é pensar bem a estrutura apresentada ao utilizador. Para fazer isso, deve certificar-se de que o conteúdo será agrupado num menu com categorias lógicas, de forma que proporcione o caminho mais simples e rápido para o utilizador visitar todas as secções do website.

Otimização do processo de compra: No caso de uma loja online, é fundamental que os produtos sejam organizados de forma que o utilizador os encontre da maneira mais confortável possível. Também se deve prestar atenção aos passos que devem ser seguidos numa loja online até o momento da conversão. Esse número deve ser o mínimo possível e o processo de navegação por meio deles deve ser intuitivo e prático para motivar a ação de compra.

Design responsive para dispositivos móveis: O telemóvel é, cada vez mais, o dispositivo preferido pelos usuários para navegar na internet. Há alguns meses, o Google lançou o Mobile First Index, que será usado a partir de agora para determinar o posicionamento orgânico com base na versão móvel de uma website em vez de na versão desktop. É por isso que é crucial que os websites tenham uma versão totalmente adaptada à navegação com aparelhos móveis.

Decididamente, uma boa experiência do utilizador está na interseção entre uma estética atraente e uma estrutura web organizada e simples, além de todos os outros elementos que facilitam a navegação do usuário. Não se esqueça que a usabilidade de um site de E-commerce é o melhor aliado da conversão.

Aqui encontra os melhores conteúdos para o seu e-commerce