Marketing e Negócio

Como funciona o Google Shopping

O Google Shopping é a ferramenta que marca a entrada da empresa neste segmento de mercado e lhe acrescenta valor, não só a si, mas também à experiência de consumo dos seus utilizadores.

Esta ferramenta melhorou a experiência do consumidor em duas formas distintas. Por um lado, facilitou a comparação de preços e análise de produtos através dos resultados de pesquisa no Google, por outro, a concorrência ficou para trás, tendo de melhorar os seus recursos para atrair cliques.

Mas de que se trata o Google Shopping? Quando se fala acerca desta ferramenta, referi-mo-nos ao comparador de preços integrado diretamente na Google. E como funciona? As lojas online partilham com a Google – através da Google Merchant – um feed de dados sobre os seus produtos e uma série de informações adicionais, como por exemplo, as categorias de produto, mediante o investimento em Google Adwords. Uma vez realizado este passo, a Google utiliza estes dados para apresentar os produtos e as respetivas fotos e preços diretamente na página de resultados de pesquisa de forma bastante destacada.

A sua interface disponibiliza um formulário no qual o utilizador pode descrever o produto a consultar, recebendo uma lista de vendedores que o disponibilizam bem como todas as informações acima mencionadas.

Para o  utilizador final que procura um determinado produto, esta ferramenta facilita a comparação de preços simplificando a opção de escolha. A nível comercial, isto é extremamente importante, visto que um cliente que procura um produto em concreto, está muito próximo de efetuar a compra. Se pensarmos no funil de vendas, no que ao marketing digital diz respeito,  todas as fases são de interesse, contudo, muitas das vezes, é melhor dar prioridade às fases de ponderação e decisão.

“Um utilizador do Google que procura um produto que surge no motor de busca com um preço razoável tem mais probabilidades de se tornar cliente dessa mesma loja online” afirma Gert Mellak, Manager da agência de marketing digital Solicom.

“Creio que é importante que as lojas online entendam que uma medida de marketing que deve especialmente ser tomada é a orientação dirigida à fase de tomada de decisão em concreto”, tanto que, o Google Shopping, “não serve para criar uma marca e dá-la a conhecer mas sim para ser a forma ideal de se dirigir ao comprador numa fase muito próxima do processo de compra”, assinala Mellak.

Qual é o futuro do Google Shopping?

Segundo o manager da Solicom, “esta ferramenta terá um futuro risonho. A Google tenta constantemente dar resposta às necessidades dos seus utilizadores e o Google Shopping tem-se revelado muito importante neste aspeto, visto que, com o crescimento do e-commerce serão a curto prazo vistas coisas como a compra direta a partir do resultado de pesquisa.

Praticamente todas as lojas online já sentiram os resultados positivos que o Google Shopping proporciona, sendo a comparação de preços uma das funcionalidades mais utilizadas.

“O êxito ou fracasso do Google Shopping, depende muitas vezes da estratégia aplicada (se uma marca não é conhecida terá de ter um bom preço para que os seus produtos sejam adquiridos). Se, por outro lado, a marca é conhecida no setor e o preço é razoável, pode funcionar muito bem.”, aconselha Mellak, acrescentando que os clientes finais “não têm consciência de onde pesquisam, utilizam o que mais se adequa às suas intenções de procura, pelo que se a sua intenção é comprar uma caneta lhe é apresentada uma caneta, esta é escolhida”.

Um bom feed de produto é fundamental para que o Google apresente os seus anúncios  nas pesquisas dos utilizadores, pelo que é necessário redigir uma descrição completa, clara e persuasiva do artigo. É aconselhável adicionar ao texto a categoria em que o produto se insere, utilizar imagens de qualidade com fundo branco. Complete todos os campos, mesmo que não sejam obrigatórios e assegure que tem o feed mais bem atualizado. O utilizador pretende ter ao seu dispor todas as facilidades para chegar ao produto desejado com maior rapidez, por isso, aposte no Google Shopping para aumentar as suas vendas.