DHL PARCEL E-COMMERCE Gestão e Logística

Desafio Logístico de Novembro

Existem várias teorias sobre a origem da “Black Friday”. O termo começou a ser utilizado em 1869 associado a uma crise financeira nos EUA. Mais tarde, podia ser encontrado em vários contextos nos nos Estados Unidos, como dia em que havia imenso tráfego de pessoas e veículos devido à Ação de Graças, tendo começado em 1975 a ser associado ao dia em que se iniciava a época das compras de Natal.

Nos dias de hoje está ligado à quarta sexta-feira do mês de novembro, em que as empresas aplicam grandes descontos aos seus produtos, iniciando as compras de Natal por todo o Mundo. Foi durante os anos 2000 que a Black Friday se popularizou. Em Portugal, o fenómeno cresceu 278% de 2017 para 2018, sendo o desconto médio aplicado aos produtos de 54% sobre o preço original. Neste dia é possível encontrar descontos nos mais variados tipos de negócio, mas são as principais lojas online (Fnac, Worten, Amazon, El Corte Inglês, etc) quem mais dinamizam este dia junto dos consumidores

Se conjugarmos o crescimento do comércio eletrónico (45% entre 2015 e 2018, segundo dados da Aicep Portugal) e o aumento das compras online durante dias como a Black Friday, as empresas de transporte e logística estão a lidar com uma combinação de situações que se não forem bem geridas podem levar a situações como: falta de capacidade nos armazéns, falta de recursos humanos e atrasos nas entregas. Para uma empresa de logística é crucial analisar várias variáveis, para antecipar possíveis cenários.

Como lidar com o aumento do volume de envios na Black Friday?

Esta é uma grande incógnita que enfrentam as empresas no sector de transporte e logística, não só na Black Friday, mas em várias épocas do ano.

A experiência do Grupo DPDHL em outros países onde é líder, como Alemanha e Reino Unido, é crucial para conseguir criar diferentes soluções técnicas de entrega de envios de comércio eletrónico.

Deste modo, para melhorar a experiência do cliente, a DHL Parcel não só conta com a experiência em outros mercados, como também está a trabalhar no desenvolvimento de tecnologia que alinha com o comportamento dos destinatários, conseguindo que as entregas se adaptem ao ritmo de vida dos clientes.

Durante os dias de maior volume de entregas, a DHL Parcel aumenta e redefine as rotas de entrega, de forma a manter o nível de serviço.

A importância da entrega

Este ano estão previstas milhares de entregas também na segunda-feira a seguir à Black Friday. Para conseguir garantir um bom nível de serviço em dias com este volume de entregas é importante:

  • A contribuição das lojas online é fundamental para gerir um dia como a Black Friday.

As empresas de comércio eletrónico têm necessidade de suavizar a curva da procura, evitando assim que as compras disparem num único dia. São muitas as empresas que oferecem grandes descontos na semana anterior à Black Friday. Esta tendência pode evitar o colapso de sistemas, falta de stock ou atrasos na logística de saída.

  • Não subestimar o poder da gestão de expectativas.

Durante estas datas é complicado cumprir o tempo de trânsito habitual e o crescimento inesperado de encomendas pode gerar atrasos, tanto por falta de recursos, como por falta de espaço nos armazéns. Uma simples alteração no check-out da loja com informação sobre potenciais atrasos, moderará as expectativas dos Clientes em relação à entrega.

  • Consolidar envios num único local para evitar atrasos.

Graças à utilização de pontos de recolha, um courier pode realizar mais entregas na sua volta. Além disso, os amplos horários de abertura das lojas permitem que os envios sejam entregues à primeira e no tempo de trânsito estimado. A DHL Parcel conta com mais de 3 700 ServicePoints e 75% destes encontram-se a menos de 10 minutos de distância dos destinatários.

Durante estas datas é importante recomendar a entrega em ServicePoint durante o check-out, o que permitirá que os destinatários disfrutem nos produtos comprados no tempo previsto.Os ServicePoints são cruciais para entregas e devoluções fáceis e rápidas, em Portugal e na Europa. A DHL Parcel conhece as vantagens para os destinatários e por isso conta com um total de 65 000 ServicePoints em toda a Europa.

  • Não esquecer as instruções do destinatário.

Além dos pontos referidos anteriormente, é também importante saibam quando é que as encomendas serão entregues, para que possam dar instruções para entrega se necessário.

A DHL Parcel envia um e-mail aos destinatários antes da encomenda sair para entrega. Esse e-mail dá acesso a uma plataforma onde o destinatário pode alterar a entrega, escolhendo um vizinho ou um ServicePoint para entrega, ou ainda alterar o dia da entrega.

A Black Friday, tal como outras datas em que o volume de envios aumentas mais de 50%, representa um desafio logístico para as empresas de transporte e para as lojas online. A boa noticia é que durante os últimos anos, ambos têm aprendido a lidar com estes picos de procura, mantendo os níveis de qualidade e cumprindo as expectativas dos compradores online, que são cada vez mais exigentes.

Aqui encontra os melhores conteúdos para o seu e-commerce