Tecnologia e Inovação

Checklist de SEO para o seu site

Hoje em dia, qualquer marca com presença online deve cuidar do seu posicionamento orgânico para conseguir aparecer entre os primeiros resultados dos motores de busca e, desta forma, incrementar o tráfego e o número de conversões do seu site. Como tal, é imprescindível criar conteúdo otimizado para SEO que aumente o alcance das landing pages. Descubra como impulsionar o conteúdo do seu site e não se esqueça de nada com esta checklist de SEO.

Otimização de SEO on-page: o SEO on-page engloba o conjunto de ações e estratégias que se implementam na própria página web de modo a melhorar o seu rendimento do ponto de vista do posicionamento orgânico. É fundamental que todos os elementos sigam as boas práticas do SEO, permitindo a qualquer loja online ou site encabeçar o ranking das palavras-chave estratégicas para o seu nicho de mercado.

Checklist de SEO ou o que não deve esquecer-se no seu site: é possível que se conheçam os elementos de SEO aos quais se deve prestar atenção quando se cria um site ou oo seu conteúdo. Não obstante a tantos detalhes que devem ser incluídos e tratados, é bastante provável que alguns deles não sejam tidos em conta. Para o ajudar a não falhar em nada, poderá encontrar, abaixo, uma lista dos principais elementos de SEO on-page que fazem referência aos conteúdos e a outros aspetos gerais de qualquer site e sem os quais não é possível manter ou alcançar um bom posicionamento orgânico.

 

Palavras chave:

  • Repetir as palavras chave principais entre 3 a 4 vezes,
  • Repetir as palavras chave secundárias entre 2 a 3 vezes,
  • Comprovar que não se repetem as keywords de forma abusiva para evitar o keyword stuffing,
  • Colocar as  palavras chave principais na primeiras linhas de texto.

 

Headings ou etiquetas de cabeçalho:

  • Incluir somente um H1,
  • Estruturar o conteúdo em H2 diferentes (e H3 e necessário),
  • Incluir as palavras chave principais no H1 e em todos os H2 e H3 que seja possível.

 

Links:

  • Incluir links internos: que redirecionem o utilizador para outros URL’s da própria página,
  • Não exagerar na inclusão de links externos ou de outros domínios.

 

Meta-data:

  • Preencha sempre o meta-title e a meta-description. As meta-keywords são opcionais,
  • Não superar o limite máximo do meta-title (cerca de 65 caracteres) nem da meta-description (alrededor de 156 caracteres),
  • Incluir sempre alguma das keywords principais no meta-title e na meta-description,
  • Incluir sempre um call-to-action na meta-description.

 

Redação do conteúdo:

  • Criar um conteúdo original e comprovar que não se está a duplicar conteúdo,
  • Produzir conteúdos que acrescentem valor de modo a evitar o thin content,
  • Desenvolver textos com um mínimo de 300 palavras e tentar alcançar as 500-600.
  • Utilizar um comprador para a criação de conteúdo personalizado.

 

Imagens:

  • Incluir imagens que ajudem na compreensão do texto,
  • Incluir o alt-tag em todas as imagens,
  • Selecionar uma dimensão ótima das imagens para web de modo a não aumentar o tempo de loading.

 

Acessibilidade:

  • Criar e inserir corretamente os arquivos Sitemap.xml e Robots.txt,
  • Assegurar-se de que a UX é satisfatória,
  • Criar uma página personalizada para os erros 404,
  • Incluir sempre botões de ligação para as redes sociais da marca num lugar visível.

 

URL’s

  • Assegurar-se de que a URL inclui a palavra-chave principal,
  • Suprimir os parâmetros,
  • Não criar URL’s de mais de 3 níveis,
  • Criar URL’s semânticas: descritivas e que resumam o conteúdo da página.

 

Mantenha o posicionamento orgânico da sua loja online sob controlo graças a esta lista de elementos de SEO on-page. Se, além disto, pretender ir mais além na otimização do seu site, também poderá trabalhar nos elementos off-page, com o linkbuilding e as redes sociais.

Aqui encontra os melhores conteúdos para o seu e-commerce